Argo Network Leilões
Site homologado pelo Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo
CASA NO CONDOMÍNIO ROYAL PARK, EM ITAPECERICA DA SERRA/SP, área total de 2.257,50m²
CASA NO CONDOMÍNIO ROYAL PARK/ITAPECERICA DA SERRA/SP
Modalidade Online
Local do leilão ONLINE
Leilão Judicial
ID: 789

Será considerado arrematante aquele que der lance igual ou maior que a avaliação (1º leilão). No segundo pregão serão admitidos lances não inferiores a 50% da última avaliação atualizada ou 80% do valor de avaliação atualizada, caso se trate de imóvel de incapaz. Serão admitidas propostas escritas de arrematação parcelada, necessário sinal não inferior a 25% do valor da proposta, e o restante em até 30 meses, mediante correção mensal pelo índice do E. TJ/SP, prevalecendo a de maior valor, que estarão sujeitas a apreciação pelo MM. Juízo da causa (Art. 891, Par. único, Art. 895, § 1º, § 2º, § 7º e § 8º do NCPC). PAGAMENTO - O preço do bem arrematado deverá ser depositado através de guia de depósito judicial do Banco do Brasil gerada no https://portaldecustas.tjsp.jus.br/portaltjsp/login.jsp, respectivamente,no prazo de até 24 horas da realização do leilão. Em até 5 horas após o encerramento do Leilão, cada arrematante receberá um e-mail com instruções para depósito (Art. 884, IV do NCPC). COMISSÃO DO LEILOEIRO – 5% (cinco por cento) sobre o valor da arrematação (não incluso no valor do arremate), e deverá ser paga mediante DOC, TED ou depósito em dinheiro, no prazo de até 01 (um) dia útil a contar do encerramento do leilão na conta a ser informada pelo Leiloeiro Oficial.

CASA NO CONDOMÍNIO ROYAL PARK/ITAPECERICA DA SERRA/SP

2ª Praça
Aberto
Abertura
Fechamento
Lance Inicial
15/Ago/2019 - 14h00
04/Set/2019 - 14h00
R$ 879.409,88
  • Número do lote: 01
  • Avaliação: R$ 1.758.819,77
  • Incremento: R$ 3.000,00
  • Lance Inicial: R$ 879.409,88
  • Visualizações: 194
  • Lances: 0
  • Lance Atual:
  • Arrematante:

Compartilhe!

Proc 0034236-75.2000.8.26.0002 – 6ª Vara de Santo Amaro

1º leilão - 15 de agosto de 2019, às 14:00 horas:  R$ 1.758.819,77

2° leilão - 04 de setembro de 2019, às 14:00 horas: R$ 879.409,88

UM PRÉDIO RESIDENCIAL e seu respectivo terreno localizados à Alameda das Palmeiras (antiga Rua A) nº 405, lote 2 da quadra 3 do Royal Park, zona urbana, distrito, município e comarca de Itapecerica da Serra, terreno esse com frente para o alinhamento norte da Alameda das Palmeiras, entre as estacas 20 e 21 do eixo, 7,00 metros em reta, e 12,32 metros em curva para dentro do terreno com raio de 23,00 metros, do lado direito confina com o lote 1 da quadra 3, na distancia de 55,23 metros até atingir o alinhamento do caminho de servidão, dai deflete à esquerda e segue dividindo com o mesmo alinhamento em curva para dentro do terreno, na distância de 31,12 metros com raio de 125,00 metros do lado esquerdo, confina com o lote 3, também da quadra 3 na distancia de 73,66 metros e nos fundos confina com os lotes 10 e 11 da quadra 3, na distancia de 29,08 metros, encerrando a área total de 2.257,50m². Cadastro nº 23434-54-23-0559-00-000-04; Objeto da Matricula 19.727 do CRI DE ITAPECERICA DA SERRA/SP; Consta conforme AV.10, registro da penhora exeqüenda;

AVALIAÇÃO: R$1.715.000,00 em Janeiro/219;

VALOR ATUALIZADO EM AGOSTO/2019: R$ 1.758.819,77;

DÉBITO EXEQUENDO EM FEVEREIRO/2019: R$ 693.102,45;

Os interessados em adquirir o bem, deverão diligenciar junto aos órgãos competentes para o levantamento de eventuais débitos de IPTU e na dívida ativa;

Não consta débitos para com a Associação Residencial Royal Park, referente ao imóvel residencial de propriedade do Sr. Walter Antônio Marques, localizado na Alameda das Palmeiras, n° 405


-
-

Fechamento em

15

Dias

00

Horas

8

Minutos

43

Segundos

Área de Lances
Data / Hora Valor do lance Total a pagar Login do usuário Tipo de lance Lances Ofertados
Nenhum lance registrado até o momento
-

DÉBITOS e OBRIGAÇÕES DO ARREMATANTE - Eventuais débitos de IPTU/ITR e demais taxas e impostos até a data do leilão serão pagos com o produto da venda, mediante apresentação de extrato pelo arrematante ao MM. Juízo da causa (Art. 130, Par. Único do CTN. O bem será alienado no estado de conservação em que se encontram, sem garantia, constituindo ônus do interessado verificar suas condições, antes das datas designadas para as alienações judiciais eletrônicas. - O arrematante arcará com os débitos pendentes que recaiam sobre o bem, exceto os decorrentes de débitos fiscais e tributários conforme o artigo 130, parágrafo único, do Código Tributário Nacional, e exceto os débitos de condomínio (que possuem natureza propter rem), os quais ficam sub-rogados no preço da arrematação.  A verificação documental,  de gravames/credores e de área de responsabilidade do arrematante, que será responsável pelo eventual regularização que se faça necessária. Os atos necessários para a expedição de carta de arrematação, registro, ITBI, imissão na posse e demais providências serão de responsabilidade do arrematante (Art. 901, “caput”, § 1º e § 2º e Art. 903 do NCPC).Os valores de avaliação e débitos serão atualizados até a data da efetiva praça. Em caso de inadimplemento, tal informação será encaminhada ao MM. Juízo competente para a aplicação das medidas legais cabíveis.